Os que Sonham...

domingo, 13 de junho de 2010

Por te amar tanto assim.


Por te amar tanto assim,

Evito-te

O contato contigo todos os dias machuca e

trás toda aquela dor que guardei num bauzinho

dentro do meu coração.

Prefiro esquecê-lo naquele cantinho escuro.

E o fato de falar contigo ilumina esse cantinho e

faz com que eu tenha vontade de abrir o baú.

Curiosa, só para ver se a dor ainda está lá dentro

com a intensidade que a deixei.

Evito-te, como se evita um vício, que ao primeiro

contato a entrega é fatal

Postar um comentário