Os que Sonham...

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

...Esperança


Tenho um coração que bate
Descompassado no peito aberto por você
e não sei o que fazer das flores que me nascem da boca,
nem das minhas mãos vazias quando você não está.
Meu peito sangra e penso:

“Lá se vão todas as ilusões de um amor perdido...
Aquele amor que você prometeu e não cumpriu.”

Olho o Vazio e prefiro acreditar que não nos dissemos Adeus...
Mas que nos separamos para que o destino
dê-nos um reencontro melhor.
E então eu te peço uma vez mais que:

“Não me deixe pensar que você não me quer mais,
porque eu ainda te quero.”
Mas se demorar muito vai passar.
Tudo passa, e a noite deve passar também,
As lágrimas cessação
E outro dia virá.
Postar um comentário