Os que Sonham...

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Sou VENTO.



Eu sou o vento.
Levo comigo em forma de VENDAVAL
Todos os sentimentos.

Às vezes calmo,
Na forma de uma leve BRISA
Sopro os cabelos do amado,
Beijo de leve a sua face.

Muitas vezes, sou TEMPESTADE
Que arrasa corações, arrasta emoções
Assobio canções de lamento,
Destruo corações desatentos.

E quando sou FURACÃO
Trago para dentro de mim,
Todas as lembranças perdidas
Viro, reviro e exausto
Deito-me e me aquieto de volta à solidão.

Nina Linhares
Postar um comentário