Os que Sonham...

terça-feira, 29 de maio de 2012

A Estrada



Estacionada aqui à espera de alguém que transforme a minha vida.
Esperando que as nuvens se dissipem e o sol volte a brilhar.
Não conte comigo para seguir essa estrada.
Ela não tem fim. Eu sei.
Há poeira em meus olhos, e a tempestade mora em minha alma.
Raios riscam o céu... Os trovões me deixam atordoada.
Tenho medo.

Estacionada aqui, espero que a poeira abaixe e que as pessoas me vejam.
Tenho lágrimas nos olhos e ninguém vê?

Preciso encontrar alguém, antes que a tempestade caia, e as gotas da chuva molhem meu rosto escondendo minhas lágrimas.
Eu tenho medo, eu choro e ninguém vê?

As lágrimas cegam meus olhos...
Eu não quero seguir na estrada...
Vou esperar alguém, que enxugue minhas lágrimas e me veja.
Alguém que enfrente a tempestade comigo e me diga...
Não tenha medo.

Nina Linhares
Postar um comentário